Criptomoeda Bitcoin: Você Tem Coragem Para Investir?

Apesar de já existir há quase uma década, foi só em 2017 que a criptomoeda Bitcoin se popularizou no Brasil… Admito que não entendo muito bem como funciona esse “plano” de moeda virtual, então resolvi fazer uma pesquisa para chegar à minha própria conclusão é loucura ou não investir nosso dinheiro.

Então, para começar, vamos descobrir o que é Bitcoin.

O que são Bitcoins?

Bitcoin é uma moeda digital, que pode ser utilizada como forma de pagamento.

Ninguém sabe ao certo quem criou esta moeda, mas sempre que procuramos o assunto, surge o nome Satoshi Nakamoto.

De onde vem as moedas Bitcoins?

Esta é uma característica muito importante das criptomoedas Bitcoin: elas não são emitidas por nenhum governo e não são filiadas a nenhum banco.

Bitcoin foi criado por milhares de computadores em todo o mundo. Esses computadores são usados ​​para resolver problemas matemáticos (cada vez mais difíceis) por meio de software. Este processo é chamado de “mineração”.

Uma vez resolvido um certo número de equações, o responsável por aquele computador recebe uma pequena porcentagem de bitcoins.

Esses mesmos problemas matemáticos são responsáveis pela aprovação da compra e venda de bitcoins realizadas pelos investidores, desta forma o sistema de Bitcoins se mantém.

Limite de Bitcoins

O número máximo de bitcoins é de 21 milhões. Esse número é definido pelo algoritmo de criptografia do Bitcoin (lembre-se que toda moeda digital tem seu algoritmo).

É por isso que a rede atualiza a dificuldade calculada para que a moeda cresça dentro de seus limites até o ano 2.140.

Como obter Bitcoins?

Existem algumas opções para quem deseja adquirir bitcoins:

  • Você pode ser um minerador (é preciso ter uma máquina bem potente que seja capaz de resolver os cálculos com a rapidez necessária);
  • Você pode procurar uma corretora de moedas digitais e abrir uma conta;
  • Você pode negociar diretamente com pessoas que vendem bitcoins (é uma boa alternativa para não pagar taxas para as corretoras)
  • Você pode vender coisas ou prestar serviços em troca de Bitcoins.

Riscos ou Vantagens?

Aqui estão algumas características das Bitcoins:

  • A moeda Bitcoin não tem nenhuma regulamentação. Seu valor depende do mercado. Quanto maior a procura, maior a cotação.
  • Alguns países querem proibir a negociação de moedas digitais, enquanto outros já aceitam Bitcoins como forma de pagamento, e esperam sua “regularização”.
  • O valor das Bitcoins depende das negociações entre compradores e vendedores.
  • Tem um grau de instabilidade muito alto, apresenta variações drásticas.

Você decide se são riscos ou vantagens…

Conclusão

Então vamos para a minha conclusão pessoal OK?

Se o bitcoin fosse digital, você não conseguiria sacar papel-moeda dele e mantê-lo em sua carteira, certo? Então podemos dizer que ele tem baixa liquidez, o que significa que se você precisar converter bitcoins para reais, pode demorar um pouco. Isso se você não quiser se machucar, é claro.

Além disso, como não é afiliado a nenhum governo, não há exigência legal de pagamento de contratos específicos nessa moeda. Ou seja, a moeda perde seu valor.

É inegável que a moeda Bitcoin pode ser considerada como objeto de especulação. Se o número de compradores de Bitcoin aumentar, seu valor também aumentará. Se o número de vendedores aumenta, seu valor diminui.

Prefiro apostar em investimentos mais seguros e menos voláteis, como títulos do governo.

Claro que a interpretação sobre as vantagens e desvantagens da moeda Bitcoin vai depender de pessoa para pessoa. Afinal, cada um vive uma realidade diferente, certo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *